10 dicas SENSACIONAIS de como manter um relacionamento SEM CRISE

Um a cada quatro casais não sabem como manter um relacionamento ao longo dos primeiros sete anos.

Há um preocupante percentual sobre divórcios que cresce a cada dia e o motivo da separação é principalmente devido a falta de comunicação e, por vezes, disfunções sexuais que acometem os homens de forma tão aterrorizante.

Dentre as disfunções mais comuns, cerca de 25% dos homens brasileiros sofrem com ejaculação precoce e não sabem como manter um relacionamento nessa condição, perdendo a possibilidade de conhecer o próprio corpo e recuperar a autoestima.

Acabam sofrendo a perda da parceira e passam, muitas vezes, pela triste condição de homem traído e em consequência, têm que lidar com o término do relacionamento.

como manter um relacionamento

A importância da saúde sexual para um relacionamento sem crise

Saber como manter um relacionamento em situações como essa, pode fazer grande diferença para a saúde psicológica e física do casal, tanto para recém-casados, namorados ou casados há muitos anos.

Não importa quanto tempo o relacionamento já possui, se a ejaculação precoce, ou outras disfunções, são constantes durante as relações sexuais, a curto ou longo prazo, isso irá se tornar um grande obstáculo para o homem ser feliz e pleno na sua vida sexual, gerando transtornos psicológicos ainda mais graves e dificultando as tentativas de manter um relacionamento ou começar relacionamentos futuros.

A Ejaculação precoce não é apenas o ato de gozar rápido demais, pois isso é relativo a práticas e hábitos de cada homem (ou mulher), de acordo com seu comportamento e estilo de vida e às situações cotidianas.

Você pode até achar que gozar com pouco tempo após a penetração na parceira já é um sinal de disfunção ou que demorar demais faz de você o Deus do sexo, mas saiba que não é bem assim que os parâmetros funcionam e nós iremos mostrar porquê.

Mais à frente você saberá como identificar o problema sexual e os indícios que isso JÁ PODE ESTAR prejudicando seu relacionamento, para que você não se sinta desamparado e acabe buscando soluções superficiais que não possuem garantia de curar a disfunção de forma efetiva.

Vamos detalhar mais as informações sobre o distúrbio, confira o conteúdo abaixo.

“Estou perdendo minha parceira e não sei como manter um relacionamento saudável”

“Olá. Sou casado, ou pelo menos fui; hoje me encontro temporariamente separado devido a esta situação de não conseguir me controlar na hora do coito. 

Em determinados momentos eu nem a penetrava que já saiam algumas gotas do esperma e, logo em seguida, eu gozava.

Sinto uma atração, um desejo enorme por ela, mas ela não sente nada por mim e nem sequer me ajuda a superar esta situação: quando eu fracassava, ela ficava irritada e me dizia que, se eu não melhorasse, poderia me trair.

O que necessito saber é se tem algum tipo de remédio ou treinamento que possa retardar a ejaculação; tive contatos com outras mulheres, mas de nada adiantou. Sou inexperiente no assunto e minha esposa tem muito mais experiência.

Hoje, não sei mais o que eu faço para recuperar meu casamento, que está por um fio, pois ela está dizendo para as pessoas que acabou. Necessito de orientação no sentido de como me curar deste mal.”

Este é um depoimento disponibilizado pelo UOL que reflete bem qual a sensação masculina sobre a perda do controle da ejaculação e a dificuldade em como manter um relacionamento.

Como o próprio escritor sugere, a ejaculação precoce pode não ser a causa principal do motivo da separação, mas um reflexo de algo maior: a Ansiedade.

Porque chegamos nessa situação?

O homem é naturalmente fechado, condicionado a não demonstrar os sentimentos e se mostrar (e provar) invulnerável a qualquer situação.

Isso gera uma pressão psicológica muito grande e no momento do sexo é refletida fisicamente, logo o desempenho na cama, acometido pela ansiedade e outros fatores que veremos logo mais, tende a sofrer influência negativa.

Quando a situação se repete com frequência, o relacionamento tende a se deteriorar rapidamente, chegando ao término ou separação no casamento.

Chegando a esse ponto, cuidar de si próprio se torna ainda mais delicado, uma vez que a autoestima fica completamente abalada.

como manter um relacionamento

Os prejuízos da Ejaculação Precoce no Relacionamento

Frequentemente o relacionamento passa por conflitos que partem de diversas perspectivas e condições, isso é natural e em certo grau, até saudável.

Mas quando se guarda ressentimentos a vida sexual é a primeira a ser atingida e o que poderia ser facilmente resolvido por ser um problema superficial acaba se tornando uma bola de neve, num aglomerado de insatisfações mútuas e descontentamentos, agravadas pela insatisfação sexual.

Quando um relacionamento termina, o homem tende a sofrer mais que a mulher a longo prazo, podendo nunca superar de verdade essa separação.

Para esconder os sentimentos, o homem acaba buscando artifícios sociais para sufocar a dor, mas o trauma permanece ali, inalterado, podendo ser prejudicial em relacionamentos futuros.

O homem ainda é muito inexperiente, mesmo tendo uma vida sexual ativa desde cedo, pois em toda sua trajetória de desenvolvimento pessoal foi instigado para tal.

Os mais jovens também ejaculam rápido, o que é natural devido à inexperiência sexual, mas isso pode ser transportado ao longo de sua vida e ser refletido na fase adulta, uma vez que o organismo fica condicionado às famosas “rapidinhas”.

Ainda assim o homem carrega a alcunha de ser o macho seguro de si e autoconfiante, para preservar o conceito de virilidade.

como manter um relacionamento

Mesmo com toda segurança masculina ainda há uma grande preocupação dos homens que estão em relacionamento estável, em como manter o relacionamento em situações como esta, primeiramente vamos definir o que é e o que não é condição de ejaculação precoce.

Categorias de Ejaculação Precoce na Vida do Homem

De acordo com o urologista Luiz Otávio Torres, da Sociedade Internacional de Medicina Sexual, a Ejaculação Precoce possui duas categorias: primária e secundária.

  • Ejaculação Primária

Na ejaculação primária, a precocidade se incide desde o início da atividade sexual e o tempo decorrido entre a penetração vaginal e a ejaculação é menor que um minuto.

Em geral quando o homem jovem inicia a vida sexual ou está em seus primeiros relacionamentos, essa condição normalmente melhora sem tratamento, com o passar do tempo e aumento da frequência sexual.

como manter um relacionamento

  • Ejaculação Secundária

Já na ejaculação secundária, o homem passa a perceber a queda da performance sexual tendo o período da penetração vaginal ao ato de ejacular, menos que três minutos.

De acordo com estudos, o tempo médio global é cerca de cinco minutos de penetração constante até atingir o orgasmo.

Como usar o tempo a seu favor para manter um relacionamento satisfatório

Ainda existe uma segunda linha de raciocínio que não considera o tempo que você dura, e sim no tempo em que você precisa durar para satisfazer a parceira.

Seguindo essa lógica, pode ser que sua parceira precisa, em média, de 10 minutos de penetração para conseguir chegar ao orgasmo, então se você dura esse tempo e a vida sexual está satisfatória, feliz para ambos, está tudo bem.

A mesma lógica vale para quando você dura apenas 5 minutos durante a penetração.

Se esse tempo é suficiente em satisfazer a sua parceira, está tudo bem, pois o homem tende a atingir o orgasmo mais rápido, então para não deixar sua parceira na mão procure entender como melhorar sua performance.

Geralmente as mulheres precisam de pelo menos 15 minutos de estimulação, seja ela via penetração ou não, para conseguir chegar ao orgasmo.

Essa última corrente é a que nós, do blog Ejaculando com Controle acreditamos e procuramos orientar nossos leitores.

Além dessa análise inicial, percebe-se que existe ejaculação precoce quando o distúrbio se apresenta em cerca de 75% dos atos sexuais num período persistente por mais de seis meses.

Dessa forma fica mais fácil saber se você possui uma incidência do distúrbio.

E como agir depois?

O próximo passo para confirmar se essa disfunção de fato prejudica seu desempenho, é procurar o auxílio de um médico Urologista ou Andrologista.

Ele irá instruir você ao tratamento mais adequado, mas, geralmente, eles apenas receitam medicamentos e isso vai, a longo prazo, torná-lo dependente desses medicamentos.

As clínicas, em sua grande maioria, tratam a consequência, a ejaculação precoce em si, através de medicamentos que atuam no sistema nervoso e que, certamente, podem afetar outras partes do corpo.

É necessário estar ciente da verdadeira causa da ejaculação precoce, o quê está causando esse transtorno, pois podem haver diversas  origens, desde falhas no sistema biológico até fatores externos como estresse e má alimentação.

Coisas simples de serem tratadas sem que você tenha que ingerir remédios agressivos ao seu organismo e que com treino, utilizando o método correto, qualquer homem pode ter o controle da sua ejaculação pelo tempo que julgar necessário.

Nós citamos alguns desses tratamentos aqui no blog:

• fatores pouco conhecidos dos tratamentos para ejaculação precoce •

Casais que precisam lidar com alguma disfunção, podem sentir mais dificuldade em descobrir como manter um relacionamento saudável, pois não sabem como conversar e compartilhar problemas desta ordem.

É possível que um homem apresente uma disfunção em decorrência de estresse e cansaço, ou por uma série de problemas no trabalho ou na vida financeira, e não compartilha dessas adversidades com a esposa.

A esposa por sua vez começa a pensar que está sendo traída, que o marido não possui mais desejo por ela e que, possivelmente, o marido tem outra mulher, por isso o desinteresse sexual crescente.

O que pode causar a Ejaculação Precoce e desencadear a Crise no Casamento?

como manter um relacionamento

Você já viu como o desempenho sexual pode guiar você à melhor forma de como manter um relacionamento, já viu como identificar o problema e como diagnosticar de forma exata a origem do distúrbio.

Agora vamos ver as sete causas mais comuns que podem estar influenciando seu namoro ou casamento e levando sua autoestima à ruínas:

Ansiedade

Como já dissemos acima, ser ansioso ou estar ansioso em ter o melhor desempenho, promove o resultado contrário.

Estresse

Muda a recepção dos neurotransmissores fazendo com que o corpo reaja de forma diferente aos estímulos, pois estão bitolados de produção química diversas no organismo.

Alterações Neurológicas

Sendo a atividade sexual de natureza neuro-psico-endócrina, as alterações neurológicas podem interferir em sua performance a nível cerebral, passando pelos nervos que conduzem o estímulo sexual pela medula, pelos nervos pélvicos, até os delicados nervos penianos

Uso de drogas

Álcool, fumo, maconha, crack e cocaína interferem diretamente no desempenho por causar um alto nível de relaxamento e tornando o ato uma via de duas mãos, pode causar ejaculação precoce ou fazer o efeito contrário, retardar demais a ejaculação podendo causar desestímulo ao músculo peniano.

Outras causas Emocionais

Pressão psicológica causada por fatores externos como família, trabalho, parceira, vida financeira e outras preocupações

Causas Orgânicas

Hipertireoidismo, varicocele, DST, alimentação, exercícios físicos em extremo, obesidade, sedentarismo.

Causas Fisiológicas

Pré-disposição genética hipersensibilidade da glande.

O que os casais têm que ter em mente quando buscarem formas de como manter um relacionamento, é que às vezes a disfunção é do casal e não de um dos parceiros apenas.

A ejaculação precoce pode até não ser a causa, mas a consequência de algo que não anda bem, uma tensão sexual que o casal por vezes nem se dá conta!

Por isso, fique atento para saber como manter um relacionamento em situações delicadas como essa, pois existem modos de revertê-las!

É mais fácil achar que o sexo é a razão dos bons ou maus resultados dos relacionamentos, mas na verdade a vida sexual de duas pessoas é o resultado do relacionamento que elas têm, consigo próprias e com seu par.

• saiba como ter o apoio da sua parceira •

Então, vamos ao que interessa?

Como Manter um Relacionamento tendo Ejaculação Precoce?

O primeiro passo é ser sincero consigo mesmo e conversar com sua parceira sobre o assunto. Nós temos um conteúdo no blog que irá auxiliar você nessa abordagem.

Após a conversa conjugal, deixando sua parceira totalmente ciente da sua condição atual em todos os aspectos: financeiro, pessoal, emocional, etc. ela irá sentir que ainda há segurança em manter o relacionamento.

O segundo passo é consultar um médico especializado para saber as causas e as possíveis formas de tratamento.

Mas vale lembrar que muitas vezes o tratamento natural é o mais assertivo e não apresenta nenhuma risco à sua saúde.

E Você não pode ficar sem estas 10 DICAS SENSACIONAIS DE COMO MANTER UM RELACIONAMENTO SEM CRISE:

Dica #1

A boa comunicação entre o casal exerce uma influência muito grande na qualidade da relação conjugal podendo refletir positivamente na relação sexual, além disso é a principal ferramenta de como manter um relacionamento;

Dica #2

Criar um espaço de paz e harmonia, um refúgio dos problemas e rotina;

Dica #3

Não dar lugar ao egoísmo. Sim, existirão diversas situações pela qual um dos cônjuges não irá querer fazer aquilo que o outro tanto deseja, e a solução é simples: entrar num acordo;

Dica #4

Lembre-se de um dos aspectos mais essenciais: a relação não começa na cama.

A preparação é durante todo o dia, pela qual o casal deve manter sempre que possível uma conduta amorosa e afetiva;

Dica #5

A intimidade é a peça chave de um relacionamento.

Use e abuse dela, procurando sempre conhecer cada vez mais sobre sua parceira, seu corpo e suas preferências sexuais, isso pode ser o melhor diferencial na hora H para encontrar meios alternativos de dar tanto prazer à sua parceira;

Dica #6

Procurar um médico especialista, o mais rápido possível,  para conhecer melhor as prováveis causas e o melhor tratamento para seu caso.

Lembramos que as clínicas tendem a receitar remédios apenas, e a longo prazo, isso pode causar dependência no organismo.

Dica #7

E ainda, para evitar o agravamento da situação, o casal pode procurar um terapeuta sexual, que saberá ajuda-los a encontrar a harmonia que foi deixada para trás ao longo do tempo;

Dica #8

Não se acanhe se tiver ejaculação precoce e procure a ajuda de sua parceira;

Dica #9

Esteja aberto para o tratamento psicoterápico.

Além de ajudar a resolver a causa do problema, ele envolve a participação da companheira, o que repercute na melhora do relacionamento.

Existe todo um conteúdo feito exclusivamente para homens que buscam reconquistar sua autoestima e manter o relacionamento sadio e renovado.

Dica #10

Saiba que o orgasmo simultâneo (homem e mulher juntos) é raro. Se acontecer, melhor, caso não, fiquem tranquilos! O que importa, realmente, é que os dois se satisfaçam, cada um à sua maneira e no seu tempo.

Pronto para colocar essas dicas em prática e manter um relacionamento feliz?

Ainda que a ejaculação precoce seja leve ou que você já esteja com tratamento em andamento, existem práticas 100% naturais capazes de tratar o distúrbio sem que você precise se expor ou investir em equipamentos caros (na verdade você não precisará adquirir nenhum tipo de equipamento) também não estamos falando de remédios milagrosos.

São exercícios simples e uma série explicativa de vídeos que você pode ter acesso aqui ou clicando no banner abaixo.

Nos falamos em breve. Um abraço.

como manter um relacionamento-banner-4s

tenha controle da sua ejaculação

dure 15 minutos a mais na cama esta noite!

cadastre-se e receba gratis

Leia tambem:

sexo com prazer

Erro Fatal no Relacionamento: não conseguir Sexo com Prazer por causa da Ejaculação Precoce

como controlar a ejaculação precoce

Como controlar a ejaculação precoce: Relato de quem já sentiu na pele e se curou da disfunção!

o que é ejaculação precoce

O que é ejaculação precoce? Descubra os mitos e fatos dessa disfunção!