O que é Balanite: Tudo sobre A inflamação peniana que incomoda milhares de homens e como tratar

Hoje vou explicar o que é balanite e como ela pode interferir no organismo do homem.

Primeiramente, a balanite é uma inflamação da glande (cabeça do pênis), que pode ter causas infecciosas ou não.

A balanite por consequência provoca também a inflamação do prepúcio (postite).

Se evidencia por uma pigmentação mais rosada da glande, que pode ser acompanhada ou não de coceira ou irritação na região infectada, mau odor e em casos avançados, até ferida exposta.

Possíveis Causas da Balanite

o que é balanite

As possíveis causas da inflamação peniana quando infecciosas podem ser:

  • Sífilis, primária ou secundária;
  • Uretrite gonocócica;
  • Molusco contagioso;
  • Uretrite por clamídia;
  • Tricomoníase;
  • Infecção por herpes-vírus simples;
  • Cancroide;
  • Escabiose;
  • Candidíase.

Quando não infecciosa os motivos podem ser:

  • Dermatite seborreica;
  • Líquen plano;
  • Psoríase;
  • Dermatite de contato;
  • Artrite reativa;
  • Erupções por drogas fixadas;
  • Balanite xerotica obliterante;
  • Líquen simples crônico.

A inflamação da glande do pênis pode surgir em qualquer homem em qualquer fase da vida.

Porém, ela é muito mais frequente em homens que não fizeram a cirurgia de circuncisão.

Visto que, é bem mais fácil de ocorrer acúmulos de sujeira e bactérias sobre a pele do prepúcio.

A Principal causa

A causa mais comum é a candidíase, que ocorre quando o fungo Candida Albicans é capaz de se desenvolver em demasia e manifestar uma infecção nas camadas mais externas do pênis.

Porém, há outros fatores que podem motivar a irritação do pênis como alergia, má higiene, roupas íntimas ou produtos, doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

Além do mais, algumas doenças cutâneas, como psoríase ou eczema, também podem aparecer na região íntima, propiciando a  balanite.

Veja como identificar a candidíase.

Como evitar a Balanite?

De modo geral, a balanite é causada pela falta de higienização íntima dos homens na fase adulta.

É possível evitar a balanite com uma boa higiene íntima, já que a maior parte dos casos da infecção é causada por uma limpeza mal feita.

Sabonetes antissépticos e enxugar bem a região íntima após o banho são medidas de combate a balanite e outras condições como alergia, e infecções em outras regiões da genitália.

Caso desconfie que esteja com balanite, não passe medicamentos ou cremes sem antes ir ao médico.

Como eu posso identificar se estou com Balanite?

Se após 2,3 dias de uma relação sexual, o homem sentir dor, irritação, tiver secreção subprepucial.

Fimose (condição em que o prepúcio não pode ser puxado), adenopatia inguinal e úlceras mais superficiais podem se manifestar posteriormente.

Quando a balanite atinge o prepúcio, passa a se chamar balanopostite e causa sintomas como coceira, inchaço, vermelhidão, mau cheiro, corrimento branco, queimação ao urinar.

Na maioria das vezes é ocasionada por uma infecção pelo fungo Candida Albicans, porém pode acontecer também por infecções causadas por bactérias ou apenas é uma consequência de um processo alérgico provocado por um produto aplicado no local ou a um tecido das roupas íntimas.

Em certos casos, a pele que encobre o pênis é difícil de ser “puxada”, pois fica mais apertada e inchada por causa da inflamação.

E o Diagnóstico?

É necessário e muito importante ir ao médico para que ele avalie e faça exames para confirmar balanite. Ele testará as causas infecciosas e não infecciosas, especificamente a candidíase e também dosar a glicemia.

A pele da genitália deverá ser bem examinada, procurando por lesões que se desenvolveram na genitália por dermatose.

Como tratar a Balanite?

Para cada caso há um tratamento específico, porém a higiene é fundamental em todos os caos e ajuda no tratamento da doença.

A irrigação subprepucial também poderá ser realizada, assim como a circuncisão dependendo do estágio da doença.

As causas mais específicas devem ser tratadas de acordo com a recomendação médica, normalmente por um urologista.

A irrigação subprepucial serve para retirar as secreções e os detritos do prepúcio e pode ser prescrita se a fimose perdurar depois da inflamação ter sido tratada.

A circuncisão (remoção do prepúcio, prega cutânea que envolve a glande) deve ser avaliada.

Contudo, a maioria dos casos mais simples, pode ser tratados somente com uma boa higiene na região íntima e uso de cuecas de algodão, menos apertadas, que permita que a pele da genitália respire.

Mas, quando os sintomas não melhoram o médico urologista pode ajudar a identificar a raiz do problema e aconselhar um tratamento mais específico.

Tratamento com pomadas

O urologista normalmente inclui no tratamento o uso de pomadas que contém corticoide, como hidrocortisona, ela é usada em todos os situações de balanite para amenizar os sintomas.

Para controlar o excesso de fungos também é recomendada pomadas antifúngicas, como nistatina, clotrimazol ou terbinafina e também pomadas com antibióticos como clindamicina ou mupirocina, usadas em casos de infecções causadas por bactérias.

Se os sintomas continuarem ou voltarem a aparecer é necessário avaliar a existência de alguma reação alérgica, que pode estar sendo a causa específica ou outro produto de higiene íntima, por exemplo.

Em tal caso, é fundamental evitar o produto que provocou reação alérgica, para cessar ou pelo menos aliviar os sintomas.

Na ocasião em que o médico urologista identificar a presença dos sintomas aqui citados, ele deverá pesquisar fatores de riscos da condição, como a diabetes, o pênis não circuncidado ou outras outras infecções sexualmente transmitidas, DSTs ou a falta de uma limpeza apropriada.

A realização de exame clínico na área genital é feita em seguida e a indicação de um exame de encerram o diagnóstico da balanite.

Após o tratamento é importante continuar com os cuidados para que a infecção não retorne.

O pênis deverá ser mantido sempre seco e limpo, evitar a utilização de produtos diferentes, se você possui a pele mais sensível que o normal e claro, usar a camisinha em todas os tipos de relações sexuais, isso diminui e muito os riscos de infecções causadas por doenças sexualmente transmissíveis.

Doenças consequentes da Balanite

A balanite, como já foi falado, é a inflamação da cabeça do pênis (glande), a postite é a inflamação do prepúcio e a balanopostite é a inflamação dos dois.

A Balanopostite é suscetível por:

  • Fimose
  • Diabetes melito

A fimose faz com que a higiene íntima se torne mais difícil de ser realizada, pois o excesso de pele que envolve o pênis faz com que a região seja limpa com menos frequência ou realmente impossibilita o indivíduo de realizar qualquer tipo de limpeza.

Desse modo, as secreções subprepuciais tem a possibilidade de se infectar com bactérias anaeróbias, o que resulta em uma inflamação.

Balanopostite crônica intensifica o risco de:

  • Balanite xerótica obliterante
  • Parafimose
  • Câncer

Em vista disso, é possível afirmar que há causas em comum da balanopostite com a balanite como:

  • infecções fúngicas penianas
  • clamídia
  • papilomavírus humano (HPV)
  • infeções fungais
  • gonorreia
  • herpes simplex
  • sífilis primária ou secundária
  • tricomoníase
  • cancróide

Outras condições que não são infecciosas e também podem elevar o risco de balanopostite são:

  • balanite crônica (balanite xerótica obliterante)
  • eczema
  • lesões e acidentes
  • irritação causada por esfregar ou coçar
  • irritação causada pela exposição a produtos químicos
  • psoríase
  • artrite reativa
  • prepúcio apertado

Lave seu “amigo”!

A limpeza do pênis não é frescura! Ela faz parte de hábitos saudáveis.

Faça a sua limpeza da maneira correta. Tire o famoso “sebo” das partes baixas.

Hoje em dia há uma variedade de sabonetes masculinos próprios para a região íntima, com o PH adequado, por que não testar?

Para saber mais sobre esse assunto de teor altamente importante para a sua saúde, veja também um vídeo explicativo do médico urologista Lucas Felipe Gomes:

Já Deixou O Seu Comentário?

A Sua Opinião É Fundamental, Participe!

Leia tambem:

higiene intima

Dicas para Você Cuidar da Higiene íntima de forma Rápida e Eficiente

tratamentos para herpes genital

Aprenda Como Lidar com o Herpes em 10 Passos Super Simples

doenças que afetam os homens

As 7 principais Doenças que Afetam os Homens e como identificá-las para buscar tratamento adequado

AUMENTE SUA POTÊNCIA
EM APENAS 10 DIAS
COM ESTE EBOOK 100% GRATUITO!