Como aumentar a testosterona de forma natural e aproveitar os benefícios

aumentar a testosterona
Como aumentar a testosterona de forma natural e aproveitar os benefícios
4.5 (90%) 4 vote[s]

Quando a idade avança o homem costuma reclamar das dores e do cansaço. Mas o que nos preocupa mesmo é como aumentar a testosterona 

Já ouvimos muitas vezes que ela é o principal hormônio masculino. De fato, a testosterona auxilia em uma infinidade de aspectos na vida do homem.

E é por isso que sua importância é tão ressaltada.

Para se ter uma ideia, quando os níveis do hormônio não estão na faixa ideal os sinais podem ser vistos no baixo desempenho na cama, nas mudanças do corpo e até mesmo do humor!

Então, como podemos aumentar a testosterona e aproveitar seus benefícios? É sobre isso que este conteúdo irá tratar. Confira os tópicos que iremos tratar neste artigo:

O que é testosterona: benefícios para o corpo
Testosterona baixa: causas e sintomas
Qual o nível de testosterona ideal para homens?
Como aumentar a testosterona com 15 hábitos simples

O que é testosterona: benefícios para o corpo

A produção de testosterona é controlada pela hipófise e o hormônio é sintetizado nos testículos.

Ela controla o desenvolvimento das características sexuais do homem e as funções de reprodução do nosso corpo. Como:

  • Desejo sexual;
  • Ereção;
  • Produção dos espermatozoides.

Também desempenha papel importante contribuindo para o bem estar físico e mental.

Isso porque o hormônio atua na construção muscular, na saúde do coração e dos ossos, na produção de energia, no controle do humor e até na conservação da memória.

Portanto, é extremamente importante manter esse hormônio equilibrado em seu organismo, pois ele propicia todos esses efeitos benéficos:

  • Mantém a mente mais afiada
  • Gera uma sensação de maior confiança e autoestima
  • Melhora o humor
  • Mantém o coração saudável
  • Aumenta a libido
  • Fortalece as ereções
  • Melhora o desempenho sexual
  • Melhora a potência sexual
  • Fortalece os ossos
  • Gera aumento de energia e disposição

A seguir iremos listar as causas e efeitos adversos da falta de testosterona. Confira:

Testosterona baixa: causas e sintomas

A baixa testosterona, também chamada hipogonadismo pode surgir por diversos motivos.

O envelhecimento é uma das causas, mas não a única. Hábitos como o tabagismo e o alcoolismo também afetam os níveis do hormônio. Bem como o sedentarismo, o estresse, a obesidade e doenças como insuficiência renal e disfunção da glândula pituitária.

Além disso, lesões ou infecções no organismo podem causar uma baixa momentânea, assim como a quimioterapia e o excesso de ferro no sangue.

Atenção, ainda, às anormalidades genéticas e às cirurgias na próstata e testículos, por exemplo.

Depois de conhecer as causas, é importante reconhecer os sinais e sintomas atribuídos à baixa produção de testosterona. Eles incluem aumento da gordura corporal, ganho de peso e diminuição do desejo sexual, por exemplo. Mas a lista é muito maior:

  • Aumento da gordura corporal
  • Ganho de peso
  • Diminuição da massa e tônus muscular
  • Diminuição da densidade óssea
  • Dificuldade de ereção
  • Falta de concentração
  • Diminuição da capacidade intelectual
  • Insônia
  • Irritabilidade
  • Diminuição da vitalidade e da sensação de bem-estar
  • Baixo apetite sexual
  • Disfunções sexuais
  • Impotência sexual
  • Desempenho sexual insatisfatório
  • Atrofia dos testículos
  • Stress elevado
  • Falta de energia
  • Risco de Infarto
  • Baixa autoestima
  • Depressão
  • Dificuldade de memória
  • Cansaço excessivo
  • Pensamento confuso
  • Alterações bruscas no humor
  • Desequilíbrio emocional
  • Baixo crescimento de pelos no corpo
  • Distúrbios no sono
  • Redução da memória
  • Dores nas articulações
  • Perda da força
  • Dificuldade em ganhar massa muscular
  • Perda de massa óssea ou osteoporose
  • Risco de diabetes

Identificando a baixa testosterona

Portanto, se você observar 4 ou mais desses sintomas, é provável que esteja sofrendo com a baixa testosterona. E, por isso, necessita aprender como aumentar a testosterona.

Neste vídeo, Davi Ribeiro irá falar especialmente sobre as consequências da falta de testosterona no desejo sexual masculino. Vale a pena conferir algumas dicas de como aumentar a testosterona nessa situação:

Mas caso não apresente esses sintomas…

Aumentar a testosterona ainda assim poderá ser uma boa forma de melhorar a saúde física e sexual.

Pois como vimos, o hormônio é responsável pela manutenção da energia corporal e pela potência masculina.

Além de desempenhar importante papel no fortalecimento do coração, dos ossos e até mesmo na conservação da memória, como dissemos anteriormente.

Então, antes de ensinar o que fazer para aumentar a testosterona, confira qual o nível ideal para o homem:

Qual o nível de testosterona ideal para homens?

A quantidade de testosterona pode variar de acordo com a idade. Entre os 15 e 18 anos a concentração pode chegar a 1200 nanogramas (ng) por decilitro de sangue.

A partir dos 19 anos a variação normal dos níveis de testosterona está entre 300 a 950 nanogramas (ng) por decilitro de sangue.

Uma vez que o homem completa 25 anos as taxas de testosterona começam a diminuir gradativamente numa taxa de 1% ao ano.

Portanto, a faixa normal não pode ser menor que 300 nanogramas (ng) por decilitro de sangue. E a ideal deve estar o mais próximo possível de 950 nanogramas (ng) por decilitro de sangue, descontando-se a idade.

Como aumentar a testosterona com 15 hábitos simples

A primeira coisa a se fazer para aumentar a testosterona é apostar em formas naturais. Ou seja, alimentação, hábitos e exercícios.

Isso porque a reposição artificial de testosterona é extremamente prejudicial à saúde. Podendo levar a danos no fígado, no coração, na capacidade de ereção e na fertilidade.

Então nós separamos uma lista de formas naturais de como aumentar a testosterona, que você poderá conferir a seguir.

Elas exigem uma mudança de hábitos alimentares e algumas mudanças de atitude no dia a dia.

Conheça as melhores formas de aumentar a testosterona naturalmente:

1 – Alimentos para aumentar a testosterona

Com uma alimentação adequada já é possível aumentar os níveis de testosterona naturalmente. Alguns alimentos contêm vitaminas e minerais necessários para a produção de testosterona no organismo.

Entre eles estão:

Vitamina A

Presente em alimentos como: manga, mamão, frutas cítricas, espinafre, leite, tomate e óleo de peixe, por exemplo.

Vitamina D

Encontrada em alimentos como: salmão, atum, sardinha ou ovo.

Zinco

Presente em ostras, fígado, feijão, castanha e sementes de girassol, por exemplo.

No entanto, para fazer uma dieta adequada deve-se ir no nutricionista para montar um cardápio de acordo com as necessidades do homem.

Outra recomendação importante: Não aqueça a comida dentro de plásticos no microondas. Porque quando os plásticos são aquecidos, podem soltar substâncias chamadas BPA, que atuam como o estrogênio, o principal hormônio feminino. E, como você já sabe, quanto mais estrogênio no seu corpo, menos testosterona.

2 – Suplementos que aumentam a testosterona

Existem suplementos alimentares específicos para estimular o aumento gradual da testosterona no organismo. 

Ou seja, eles não injetam diretamente o hormônio no corpo mas estimulam a produção natural pelo organismo.

Isso porque possuem os elementos necessários para a produção do hormônio no corpo.

Em sua composição estão presentes as doses diárias adequadas de cada nutriente que acelera a produção de testosterona, além de elementos essenciais para o corpo e extrato seco de alimentos estimulantes sexuais.

Ao contrário da reposição artificial e dos anabolizantes que injetam o hormônio diretamente na corrente sanguínea, o suplemento fornece ao corpo o material necessário para produzir mais testosterona naturalmente.

Assim, o homem não é prejudicado com nenhum tipo de efeito colateral.

E porque também repõe nutrientes, ele ainda potencializa a ação da testosterona no organismo.

Os resultados podem ser vistos numa maior energia e disposição bem como no fortalecimento das ereções, no aumento do desejo sexual e na qualidade do sexo.

3 – Tomar sol

Como vimos na dica de alimentação, a vitamina D precisa estar presente na sua rotina para aumentar a testosterona.

Além de estar presente em alimentos, você também pode absorver vitamina D ao se expor ao sol.

Então procure fazer isso diariamente, antes das 11h e depois das 16h, durante pelo menos 30 minutos. Esse hábito será uma boa forma de aumentar a testosterona naturalmente.

4 – Realizar exercícios

Para aumentar a testosterona, a dieta não é a única coisa a ser considerada. Os exercícios físicos são igualmente importante no aumento dos níveis do hormônio.

Tipos específicos de exercício, como levantamento de peso, fazem com que o corpo produza mais testosterona.

Além disso, você pode realizar em casa exercícios específicos para aumentar a testosterona.

Os Exercícios de Kegel, por exemplo. Porque eles fortalecem os músculos do assoalho pélvico, fortalecem as ereções e aumentam os níveis de testosterona.

5 – Beber água

Beber água também está entre as melhores formas de aumentar a testosterona naturalmente.

Porque quando o corpo não possui quantidades suficientes de água, o sistema hormonal passa a produzir menos hormônios, inclusive a testosterona.

6 – Moderar no Álcool

Beber com moderação, especialmente vinhos, pode auxiliar na melhor produção desse hormônio. No entanto, beber em excesso pode causar o efeito contrário, além de prejudicar outros aspectos do corpo.

7 – Evitar o Açúcar

A ingestão exagerada de açúcar também pode prejudicar os níveis da testosterona no organismo.

Por isso, evite alimentos que contenham grandes quantidades de açúcares em sua composição, como doces e refrigerantes.

8 – Cortar a Soja

Vários estudos têm apontado que o consumo de soja aumenta os níveis de estrogênio (hormônio feminino) no corpo, o que, consequentemente, reduz a taxa de testosterona.

Portanto, substitua o óleo de soja por um óleo de girassol, por exemplo.

9 – Reduzir a Cafeína

É claro que uma xícara de café pela manhã não prejudicará seu objetivo de aumentar a testosterona, mas o consumo constante ao longo do dia pode te prejudicar.

Isso porque a cafeína provoca um aumento nos níveis de cortisol (hormônio do estresse), que por sua vez afeta a produção da testosterona.

10 – Dormir bem todos os dias

Dormir menos do que o necessário pode resultar em uma diminuição de até 10% nos seus níveis de testosterona.

Embora haja um senso comum em torno das oito horas diárias, essa necessidade varia de pessoa para pessoa.

Assim, pode ser que em uma noite você precise de nove horas de sono após um dia estafante e em outras noites você necessite de apenas seis horas.

Então o ideal é dormir enquanto estivermos com sono e acordar naturalmente com a luz do sol. Sem despertadores!

Como isso não é possível para a maioria de nós, tente ao menos ir para a cama mais cedo.

E evite apertar o soneca pois você poderá entrar novamente no ciclo do sono e ao interrompê-lo várias vezes irá se sentir ainda mais cansado.

11 – Manter o peso adequado

Para evitar níveis de testosterona baixos, deve-se manter o peso corporal adequado, apresentando IMC inferior a 29.

Calcule aqui o seu IMC e veja se está dentro dos valores normais:

Powered by YAZIO

12 – Parar de Fumar

De fato, não é segredo para ninguém que as substâncias químicas presentes nos cigarros causam impotência sexual por diminuírem a produção de testosterona.

Por isso, você só conseguirá aumentar a testosterona se considerar parar de fumar ou ao menos reduzir drasticamente o consumo.

13 – Evitar o Estresse

Procure levar uma vida mais leve e dedicar algum tempo na sua rotina para o lazer. Porque isso é essencial para reduzir o estresse e aumentar a testosterona.

14 – Ter uma Postura Confiante

O artigo “Why good posture matters” (Porque a boa postura é importante) da Universidade de Harvard, provou que, quando assumimos posturas físicas confiantes por dois minutos, isso causa mudanças positivas no nosso corpo.

Como o aumento de 20% nos níveis de testosterona e diminuição de 25% no hormônio do estresse (cortisol).

15 – Praticar Sexo

Por último, mas não menos importante: Faça sexo! Não só como forma de aumentar a testosterona, mas como qualidade de vida.

Pois ao praticar sexo você estará estimulando a liberação de hormônio oxitocina, que por sua vez libera endorfinas naturais (químicos estabilizadores do humor) na corrente sanguínea.

Uma boa dica é ter uma atividade sexual logo pela manhã.

Isso porque nesse período do dia os níveis de testosterona estão mais altos. Assim, o seu organismo irá sempre manter a produção constante. Mas qualquer hora é a hora ideal!

Espero ter ajudado!

Abraços,

Davi Ribeiro.

Já Deixou O Seu Comentário?

A Sua Opinião É Fundamental, Participe!

Leia tambem:

suplemento alimentar

Quais são os benefícios que a utilização do suplemento alimentar podem trazer a você?

hormônio testosterona

Testosterona: O que é e quais os efeitos que esse hormônio provoca no organismo masculino?

Fortaleça as ereções e aumente a potência sexual com o Bull Caps

AUMENTE SUA POTÊNCIA
EM APENAS 10 DIAS
COM ESTE EBOOK 100% GRATUITO!