O Que (Não) Fazer Para Aumentar a Fertilidade Masculina

Muitos casais se preocupam em pesquisar formas de prevenir uma gravidez. Mas quando finalmente decidem ter um filho, percebem que o projeto não é tão fácil quanto imaginavam. O nível de produção de espermatozoides e a qualidade destes interfere na concepção. Felizmente, existem soluções naturais para aumentar a fertilidade masculina.

Com algumas simples mudanças de hábito já é possível aumentar sua capacidade de engravidar a sua parceira. Mas se quiser potencializar a sua capacidade reprodutiva e ainda adquirir outros benefícios, como uma maior disposição sexual, ereções mais potentes e virilidade, é indicado que utilize suplementos alimentares à base de compostos naturais.

Um exemplo deles é o Bullcaps, que não causa qualquer efeito colateral (ao contrário dos fármacos indiscriminadamente vendidos). Ele possui muitos diferenciais em relação a outros produtos similares. Além de melhorar a fertilidade masculina e o desempenho sexual, ele ainda aumenta a libido feminina. Portanto, ele pode ser o aliado certo para garantir relações mais prazerosas e com mais chances de provocar a gravidez tão sonhada. 

Principais Dúvidas Sobre a Fertilidade Masculina

Antes de conhecer os 10 hábitos ruins e os bons hábitos para aumentar a fertilidade masculina, conheça as respostas para as principais perguntas sobre o assunto:

1. Infertilidade e impotência sexual são a mesma coisa?

Não. A infertilidade se caracteriza quando, após um ano de tentativas com relações sexuais frequentes, o casal não consegue engravidar. Enquanto a impotência sexual é uma disfunção que pode estar associada a uma diminuição da libido, disfunção erétil e ejaculação precoce.

É possível ter uma vida sexual muito ativa e satisfatória mas apresentar problemas na fertilidade masculina.

Porém, também pode acontecer de o homem sofrer com disfunções sexuais, como a dificuldade de ereção e a ejaculação precoce mas ainda possuir capacidade de fertilização. No entanto, esses distúrbios prejudicam a prática e frequência sexual e, consequentemente, diminuem as chances de concepção nos dias certos, os dias férteis do ciclo reprodutivo feminino.

fertilidade masculina

Para tratar a raiz desses problemas, é imprescindível procurar suplementos alimentares e exercícios físicos específicos para melhorar a ereção. Além disso, se você costuma ejacular muito rápido, antes da penetração ou de forma pouco profunda na vagina, tratamentos naturais para o controle da ejaculação precoce são muito indicados. Clique aqui ou no banner acima e conheça o Programa CAE4S, que garante o controle absoluto da ejaculação em apenas 4 semanas.

2.O homem pode ter filhos mesmo em idade avançada?

Sim, mas com dificuldades. Porque apesar de o homem produzir espermatozóides a vida toda, isso não significa que estes espermatozóides tenham saúde suficiente para fertilizar um óvulo. Além disso, os homens têm níveis diferente de fertilidade.

E, apesar do homem manter sua fertilidade por mais tempo que as mulheres, o estilo de vida pode reduzir bastante a qualidade dos espermatozoides produzidos. Por isso, confira nossa lista de hábitos a serem evitados e hábitos a serem inseridos em sua rotina para melhorar a fertilidade masculina, independentemente da idade.

Hábitos que prejudicam a fertilidade masculina

De fato, a fertilidade masculina é um assunto que preocupa qualquer homem que planeje ter filhos. Abandone ou tente evitar os maus hábitos a seguir. E consulte um médico se suspeita de problemas mais sérios na fertilidade masculina. Ele pedirá exames como o espermograma, que estuda a mobilidade, aspecto morfológico e nível de concentração dos espermatozoides. Confira agora os 10 hábitos que prejudicam a fertilidade masculina e evite-os!

1. Não dormir por tempo suficiente

Se você é daqueles que gostam de ficar mexendo no celular ou no notebook até tarde, mesmo quando tem que acordar cedo no dia seguinte, talvez seja hora de rever esse hábito. De acordo com os pesquisadores do periódico Fertility & Sterility, a falta de sono diminui a produção de testosterona, hormônio essencial para a produção de esperma. Por isso, dormir menos de seis horas por noite causa uma queda das chances de engravidar uma mulher. No entanto, é preciso moderação, pois homens que dormem mais de nove horas por noite também apresentam níveis mais baixos de fertilidade.

2. Alguns tipos de lubrificantes

Outro estudo publicado pelo Fertility & Sterility mostrou que alguns lubrificantes podem prejudicar a motilidade do espermatozoide. Isso, portanto, irá dificultar a gravidez. Além disso, eles também podem conter ácido clorídrico, um conservante que pode matar os espermatozoides. Lembrando que isso não significa que o lubrificante possa ser usado como método contraceptivo.

3. Ficar muito estressado

Homens com níveis mais altos de stress têm esperma de pior qualidade em relação a homens que relatam mais equilíbrio emocional. A conclusão foi de um estudo conduzido pela Universidade de Columbia, nos Estados Unidos. Portanto, altos níveis de stress podem atrapalhar a produção dos seus hormônios reprodutivos. Além de levar à criação de proteínas inflamatórias que prejudicam o esperma. E, por isso, atrapalhar a fertilidade masculina.

4. Aproximar eletrônicos à região íntima

Guardar seu celular no bolso pode não ser uma boa ideia se você está tentando ter um filho. Isso porque a exposição do sêmen ao smartphone pode alterar a motilidade e reduzir a quantidade de espermatozoides. De acordo com uma revisão britânica de dez estudos, a radiação emitida pelos celulares e notebooks, por exemplo, pode causar danos ao DNA do esperma. E o calor deles pode elevar a temperatura do escroto e prejudicar a produção dos espermatozoides e a fertilidade masculina.

5. Alcoolismo

Consumir álcool em excesso faz mal para diversos aspectos da vida e isso inclui a fertilidade masculina. Prefira beber ao máximo uma ou duas doses por noite. Caso não tenha o hábito de beber, permaneça assim.

Assim como em caso de tabagismo, converse com um médico ou terapeuta sobre as melhores opções para parar de beber.

6. Tabagismo

Fumar direta ou indiretamente pode reduzir a contagem de espermatozoides. Dessa forma, para potencializar sua fertilidade masculina, reduza a quantidade de cigarros que fuma por dia ou procure auxílio médico para parar de fumar.

7. Obesidade ou magreza excessiva

A contagem e a qualidade do esperma podem ser afetados se você estiver abaixo ou acima do peso, portanto, tente mantê-lo em um nível saudável. O acompanhamento médico é fundamental para uma manutenção saudável e adequada do peso.

8. Fumar maconha

O THC, princípio ativo da maconha, está diretamente relacionado a baixas contagens de espermatozoides, além de reduzir a libido. Portanto, diminua ou pare de consumir maconha.

9. Calor excessivo

Pesquisas indicam que uma temperatura muito elevada na região pélvica também pode afetar a contagem de esperma. Tente manter a área ventilada e fresca sempre que puder.

  • Escolha bermudas, shorts e cuecas mais folgadas e evite usar calças jeans com frequência.
  • Além disso, não use o notebook no colo, pois ele também emite calor; prefira deixá-lo sobre uma superfície.
  • Outras medidas importantes são reduzir a temperatura do banho e passar menos tempo em saunas e banhos de imersão.

10. Exposição a radiações ou substâncias tóxicas

O contato com metais pesados, radiação, raios X, pesticidas e outros produtos tóxicos, diminui a produção de esperma e causam infertilidade. Se o seu trabalho envolve esses aspectos, use roupas de proteção o tempo todo.

Como aumentar a fertilidade masculina de forma natural

Depois de entender os 10 hábitos que você deve evitar, confira agora as 10 dicas para você aumentar a fertilidade masculina de forma natural

1. Tenha uma dieta equilibrada

A alimentação influencia sua vida de diversas formas e a fertilidade masculina não é exceção. Portanto, consuma alimentos nutritivos para deixar seu sistema reprodutor em dia.

  • Inclua todos os grupos alimentares em suas refeições. Sua dieta deve conter uma boa variedade de frutas, vegetais, grãos integrais, proteínas magras (como frango e peixes) e laticínios desnatados. Além disso, o preparo da comida deve ser saudável; prefira assar e grelhar os alimentos em vez de fritá-los, por exemplo.

2. Pratique atividades físicas

Fazer exercícios é benéfico para a saúde como um todo. E, para fortalecer sua fertilidade, eles devem ser parte da rotina. Por outro lado, alguns estudos em fase inicial sugerem que certas atividades estão ligadas a uma redução da fertilidade masculina. Por exemplo, andar de bicicleta em excesso e fazer exercícios extremos como triatlo irão dificultar e não ajudar.

  • Prefira atividades mais leves e pratique-as com consistência para aumentar a contagem de esperma. A integridade do sêmen depende da prática de exercícios.

3. Controle o estresse

Além de interferir na saúde sexual, o estresse pode causar alterações hormonais que afetam a produção de esperma. Portanto, use técnicas de relaxamento para lidar com a tensão.

  • Tenha uma vida social ativa. Interagir com as pessoas que ama é uma forma certeira de reduzir o estresse.
  • Evite o estresse desnecessário. Não se comprometa com o que não pode cumprir e fique longe de pessoas tóxicas.
  • Mude sua perspectiva. Talvez você descubra que o problema em questão não vale todo esse estresse.

4. Previna-se de doenças sexualmente transmissíveis

Essas doenças têm um grande impacto na fertilidade masculina. Para saber se você tem uma DST, faça um exame de sangue e trate-se imediatamente se o resultado for positivo.

  • Existem várias medidas que podem ser tomadas para se proteger, incluindo o uso de preservativos. Além disso, ter relações sexuais com somente uma parceira reduz as chances de contrair uma DST.

5. Tome suplementos alimentares

Esses suplementos contêm as vitaminas C e E, além de diversos outros nutrientes importantes para a saúde reprodutiva e para o desempenho sexual. De acordo com estudos, eles podem aumentar a contagem de espermatozoides e o volume de esperma. Um dos melhores exemplos, por também aumentar a libido e não apresentar nenhum efeito colateral, é o Bullcaps. Você pode acessar o site oficial do produto aqui: Quero meu Bullcaps.

6. Converse com um médico sobre os medicamentos que está tomando

Diversos remédios podem interferir na fertilidade masculina e, se ela é uma preocupação, você deve discutir isso com um profissional. Remédios ansiolíticos e antidepressivos podem ter efeitos negativos. Alguns medicamentos para tratar problemas de próstata e infecções também podem causar infertilidade.

7. Vá ao médico se desconfia que é estéril

A infertilidade é caracterizada por uma produção de esperma insuficiente ou sem qualidade. Portanto, essa é a causa das dificuldades para engravidar. Agende uma consulta com um médico se acha que esse é seu caso e fique alerta para os seguintes casos:

  • Dificuldades de ereção, pouca ou nenhuma libido, entre outras disfunções sexuais.
  • Dor, incômodo ou caroços ao redor dos testículos.
  • Cirurgia recente na área da virilha.
  • Histórico de problemas sexuais ou na próstata.
  • Tentativa de engravidar a parceira por mais de um ano, sem sucesso.

8. Informe-se sobre tratamentos hormonais

Alguns problemas de fertilidade podem ser resolvidos com terapia hormonal e, se o médico descobrir que esse é o seu problema, poderá orientá-lo quanto aos tratamentos disponíveis.

9. Não consuma anabolizantes

Ao buscar efeitos estéticos de ganho de massa muscular através do uso dos anabolizantes, o homem coloca em risco sua fertilidade masculina e inclusive sua potência sexual. O impacto dos anabolizantes podem continuar mesmo após o abandono do seu uso. Isso acontece porque ao consumir testosterona sintética, a produção de testosterona natural diminui. Então, como consequência, a produção e qualidade dos espermatozoides também ficam reduzidas.

10. Faça uma cirurgia, se necessário

A infertilidade pode ser causada por lesões nos órgãos reprodutivos, embora isso seja mais incomum. Nesse caso, o médico recomendará a cirurgia, explicará sobre o procedimento adequado e sobre o processo de recuperação.

Depois de todas estas dicas, procure manter os hábitos mais saudáveis possíveis e atacar o problema da infertilidade pela raiz!

Continue a acompanhar nossos artigos!

 

Um abraço,

Equipe ECC.

Já Deixou O Seu Comentário?

A Sua Opinião É Fundamental, Participe!

Leia tambem:

como satisfazer a mulher na cama

Como deixá-la mais satisfeita no sexo, todos os dias

como fazer para aumentar o pênis

Como fazer para aumentar o pênis: 6 métodos possíveis!

squirt

Squirt Desmistificado: Como Fazer sua Parceira Jorrar de Prazer

AUMENTE SUA POTÊNCIA
EM APENAS 10 DIAS
COM ESTE EBOOK 100% GRATUITO!