Remédio para ereção: saiba se você realmente precisa e evite constrangimentos

Há alguns anos, o remédio para ereção era restrito à injeções no órgão sexual masculino, a fim de promover enrijecimento rápido no membro.

Alguns equipamentos também podem ser utilizados para bombear o sangue para o restante do pênis ou próteses podem ser implantadas por meio cirúrgico.

Porém, com a revolução da invenção dos medicamentos vasodilatadores foi possível tratar a disfunção erétil de uma maneira menos invasiva por meio de remédio para ereção.

Tal uso provoca uma retenção de sangue no corpo cavernoso e então a ereção é mantida.

A ereção só é interrompida quando não há mais nenhum estímulo sexual.

Quando o homem chega ao ápice do prazer, ou seja, quando ele tem um orgasmo ou quando o estímulo chega ao final o corpo cavernoso se esvazia e o pênis fica flácido novamente.

Como ocorre a ereção?

No sistema nervoso central é liberado um sinal para a liberação de uma substância chamada óxido nítrico.

Dessa forma, o corpo cavernoso se enche de sangue.

Essa substância é um tipo de neurotransmissor que também  tem como função relaxar os vasos sanguíneos do corpo cavernoso.

Desse modo, facilitar a entrada de sangue em tal estrutura.

Enquanto existir óxido nítrico no corpo cavernoso, o pênis irá se manter repleto de sangue e por essa razão, ficará rígido.

Quando os níveis de óxido nítrico caem, a ereção chega ao final.

Porém, é importante destacar que a ereção é um processo que também envolve outras coisas como fatores hormonais e psicológicos.

Homens com baixa quantidade de testosterona não conseguem gerar quantidades suficientes de óxido nítrico.

Em períodos de estresse ou ansiedade também pode ocorrer uma baixa produção da substância.

A ereção no entanto, pode depender de fatores neurológicos, vasculares, hormonais e também psicológicos.

Uma pessoa que tem diabetes e vasos danificados pode não ser capaz de canalizar quantidade suficiente de sangue para o pênis se encher, mesmo que tenha óxido nítrico suficiente.

No vídeo narrativo e animado abaixo, é possível observar o funcionamento da ereção no organismo masculino, confira:

Como um remédio para ereção funciona no organismo

De modo simples, podemos resumir que a substância que é responsável pela exclusão da atuação do óxido nítrico se chama Fosfodiesterase tipo 5 (PDE-5).

Quando o homem utiliza outras substâncias inibidoras como o remédio para ereção, por exemplo, há uma ação mais duradoura do óxido nítrico.

Assim, consegue com mais facilidade transportar o sangue para o corpo cavernoso.

Atualmente existem três drogas distintas que atuam na inibição da PDE-5:

  • Sildenafil (Viagra)
  • Vardenafil (Levitra)
  • Tadalafil (Cialis)

Tendo em mente como é o funcionamento da ereção, é possível imaginar que tais medicamentos e os outros inibidores da PDE-5 podem eventualmente não funcionar em certos homens.

Principalmente naqueles que possuem problemas nos nervos ou nos vasos penianos.

A taxa de resposta ocorre por volta dos 70%.

Sendo mais alta em pacientes com problemas psicológicos e baixas nos que possuem diabetes não controlada ou alguma lesão nos nervos pélvico após cirurgia na próstata.

Os tipos de Remédio para Ereção

1. Sildenafil (Viagra)

Popularmente conhecido como Viagra, ele é o primeiro remédio para ereção inibidor da PDE-5 a ser comercializado.

É a droga consumida por via oral mais testada atualmente.

Ele é vendido em comprimidos de 25mg, 50m ou 100mg.

A posologia vai variar da avaliação médica. Ele deverá ser tomado em jejum, pelo menos 2 horas após uma refeição, e 1 hora antes da relação sexual.

O Viagra não pode ser ingerido diariamente, pois é um medicamento que interfere na circulação do corpo.

O intervalo entre uma dose e outra deve ser de no mínimo 24 horas.

A ação do remédio se inicia em 30 minutos e dura por até 4 horas, porém não quer dizer que o homem terá ereção durante todo esse período.

O Sildenafil é somente um estimulante da ereção, pois ele faz com que o óxido nítrico permaneça por mais tempo no corpo, não impactando na produção da substância.

Se não acontecer nenhum estímulo sexual para o desbloqueio do óxido nítrico e consecutivamente da ereção, precisamente como acontece usualmente com todo indivíduo.

Contra-indicações

O Viagra é um medicamento relativamente seguro, porém como qualquer remédio existem algumas contra indicações e efeitos colaterais.

Pacientes com doenças cardíacas ou que faz o uso de nitratos não podem ingerir esse medicamento.

O Viagra é um vasodilatador e apesar de agir na região do órgão sexual masculino o óxido nítrico sistêmico também é elevado ocasionando uma redução da pressão arterial.

Em pessoas com o organismo saudável a queda de pressão é em grau mínimo e as sintomático.

Contudo, o uso do Viagra com remédios para hipertensão deve ser administrada com cuidado.

Os nitratos (isordil, monocordil, monoket etc), utilizadas para doenças relacionadas ao coração, são vasodilatadores e sua ação é frequentemente potencializada pelo Sildenafil.

Isso pode acarretar uma relevante queda de pressão arterial e causar um desmaio síncope e uma isquemia cardíaca.

Outros remédios

Remédios utilizados para próstata, como o doxazosin e terazosin também possuem efeitos vasodilatadores que são acentuados pelo Viagra e podem causar hipotensão.

Pessoas que possuem insuficiência cardíaca também não devem utilizar Viagra sem autorização médica, uma vez que, pode causar alteração do quadro clínico.

Homens que já tiveram AVC nos últimos 6 meses também deverão ter cuidado ao administrarem o Sildenafil.

Alguns medicamentos também podem alterar o efeito do Viagra e a combinação deverá ser evitada, entre eles podemos citar:

  • Eritromicina;
  • Cetoconazol;
  • Cimetidina;
  • Itraconazol;
  • Rifampicina;
  • Fenitoína;
  • Indinavir;
  • Ritonavir.

O Viagra não pode e nem deve ser ingerido juntamente a outros inibidores da PDE-5 como o Cialis e o Levitra.

A ereção não será potencializada com esta associações e ainda aumenta o nível tóxico.

Os inibidores da  PDE-5 em parcelas muito altas podem provocar AVC e hipotensões mais sérias.

O efeito colateral mais frequente do Sildenafil são dores de cabeça e tonturas, ocasionados pelos efeitos da vasodilatação.

Azia também é um sintoma característico.

Outros decorrências mais raras envolvem variações visuais como visão azulada, borrada ou aumento da sensibilidade à luz.

Perturbações auditivas como a perda da audição momentaneamente ou até permanentemente, em alguns casos.

A ereção prolongada e dolorosa denominada priapismo, é uma condição muito rara, mas pode acontecer após o uso do Viagra.

Se o homem tiver ereção contínua, por mais de 4 horas, ele deve procurar um médico urgentemente pois há um grave risco de isquemia e trombose do órgão sexual.

O priapismo é um dos efeitos colaterais mais comuns quando o Viagra é utilizado de maneira recreativa por pessoas mais jovens e combinado com drogas como cocaína, anfetaminas e ecstasy.

Vardenafil (Levitra)

O Levitra é um medicamento vendido em comprimidos de 2,5mg, 5mg, 10mg e 20mg.

Da mesma maneira que Viagra, ele deve ser ingerido 1 hora antes da relação íntima, e, preferencialmente, em jejum. A reação também pode durar por volta de 4 horas.

Os efeitos colaterais e as contra-indicações do Levitra são parecidas com ao do Viagra, pois são vasodilatadores.

Tadalafil (Cialis)

O Cialis também é comercializado em comprimidos de 5mg,10mg e 20mg.

Não existe alguma distinção entre a efetividade do Cialis, do Levitra e do Viagra, no entanto, o Cialis manifesta algumas especificidades: ele tem um efeito mais duradouro, podendo durar até 36 horas.

Remédio para Ereção Natural

BullCAPS é um produto 100% natural, seu consumo diário é o segredo para a vitalidade e o prazer.

Rico em nutrientes, ele age de forma eficaz no auxílio contra a impotência. É completo e eficaz na melhoria do rendimento físico, mental, sexual e aumento da libido.

Com ingredientes usados há milhares de anos na saúde humana, BullCAPS é sinônimo de excelência.

Ele te devolve uma vida sexual ativa, com orgasmos mais intensos e duradouros, além de uma saúde renovada.

BullCAPS é um verdadeiro energético natural.

remédio para ereção

Já Deixou O Seu Comentário?

A Sua Opinião É Fundamental, Participe!

Leia tambem:

Problema de ereção tem cura? Como é possível tratar essa disfunção?

o que é libido

O que é Libido: Maneiras de aumentar o desejo sexual

como prolongar a ereção

11 hábitos que você precisa mudar para Prolongar a Ereção

AUMENTE SUA POTÊNCIA
EM APENAS 10 DIAS
COM ESTE EBOOK 100% GRATUITO!