Melhore sua potência sexual mudando pequenos hábitos do seu dia-a-dia

Culturalmente se espera que o homem esteja sempre pronto para pular na cama e deseje sexo o tempo todo. Mas nem sempre funciona assim. O estresse e a correria do dia-a-dia, aos poucos, acabam matando a potência sexual e a libido masculina.

Conciliar trabalho, família, amigos e objetivos pessoais está cada vez mais difícil. E com o passar dos anos e a idade chegando, acaba ficando pior ainda.

Potencia sexual não é algo que aparece da noite para o dia. E são pequenas mudanças nos hábitos que ajudam a cultivar a nossa potência para que ela melhore a cada dia.

Na verdade, alimentação adequada e exercícios regulares são o grande segredo para um desempenho sexual épico. Essa combinação poderosa tem grandes influências positivas no funcionamento do nosso corpo. Pode observar, homens que têm uma vida sexual mais ativa tendem a se alimentar melhor e a praticar atividades físicas.

Então, se o seu objetivo é melhorar a potência sexual, temos algumas dicas dos especialistas que vão te ajudar.

O melhores hábitos para melhorar a potência sexual

Estresse, cansaço físico, fadiga, desgaste emocional, monotonia…. tudo isso são coisas que causam uma baixa na libido e, por consequência, acabam com a potência sexual. Assim, está claro que para melhorar o desempenho na cama, tem que haver um equilíbrio entre corpo e mente.

potência sexual

Como falamos, alimentação e exercícios são um combo fortíssimo. E junto com outras pequenas mudanças nos seus hábitos, podem turbinar a sua potência sexual de uma forma que você (e sua parceira) nunca viram antes.

Confie no zinco

De acordo com Flávia Morais, coordenadora de nutrição da rede Mundo Verde, “uma má alimentação pode gerar uma baixa produção de alguns neurotransmissores relacionados ao bem-estar e prazer. Essas alterações podem prejudicar o desempenho sexual e até a fertilidade”.

O zinco é um mineral necessário para a maturação e fertilização do esperma. Quando o zinco está em falta, a produção de testosterona no organismo diminui, diminuindo também a libido. Alguns alimentos, como ostras, são riquíssimos nesse mineral.

Consuma alimentos afrodisíacos

A vitamina B3, presente no amendoim, colabora para a vasodilatação e melhora a circulação. Já a vitamina E, presente no ovo de codorna, melhora a produção natural de testosterona, hormônio responsável pela libido.

Outros alimentos como ginseng, pimenta e canela também são famosos por serem afrodisíacos. Eles contribuírem positivamente para melhorar a potência sexual e a qualidade das ereções masculinas.

Aposte em ervas medicinais

Pode parecer bobagem, mas segundo o fisioterapeuta, naturopata e autor do livro Sexo mais Caliente, André Resende, algumas ervas podem sim dar uma forcinha para melhorar o desempenho sexual.

Ervas como guaraná, maca peruana, catuaba, marapuama, gengibre e ginseng, por exemplo, são famosas em diversas culturas por suas propriedades estimulantes e afrodisíacas. Portanto, você pode pegar todas essas ervar e fazer um chá, ou consumi-las batidas com suco de frutas.

Outra forma mais simples e mais eficaz de incorporar essas ervas na sua rotina é através de suplementos naturais. As cápsulas apresentam a dosagem ideal de cada um desses ingredientes, além de vitaminas e outros minerais necessários para estimular o seu corpo e aumentar a potência sexual.

E por se tratar de uma suplementação natural, não possui contraindicações ou efeitos colaterais negativos. Para conhecer mais sobre os suplementos, clique aqui.

potência sexual

Explore seu corpo

Muitos homens ainda consideram a masturbação algo ruim. Por mais que eles cheguem a se masturbar de vez em quando, ela vem acompanhada de um sentimento negativo.

Quando o assunto é sexualidade e autoconhecimento feminino, a masturbação é sempre colocada em pauta. E por que não é o mesmo com os homens?

A masturbação deve ser encarada como uma forma de conhecer seu próprio corpo e seu próprio prazer. É uma forma de despertar o corpo para a própria sexualidade.

Leve a vida mais tranquila

Níveis elevados de estresse diminuem a libido e prejudicam a potência sexual. O estresse e a depressão são doenças graves que afetam a sua virilidade e autoconfiança.

O estresse também aumenta os níveis de cortisol, hormônio que inibe a produção natural de testosterona e mata seu apetite sexual.

Procure entender o motivo do seu estresse e tratar a causa. Ao fazer isso, vai ocorrer a liberação de endorfina, diminuindo a ansiedade e elevando o fluxo de sangue nos órgãos genitais. Como consequência, você tem mais sensibilidade e mais prazer no sexo.

Evite bebida em excesso

De acordo com Flávia, o álcool favorece o relaxamento, porém prejudica a circulação e, em consequência, a ereção. Portanto, uma taça de vinho pode até te ajudar com a ansiedade e a criar um clima, mas cuidado para não exagerar.

Não se entregue ao sedentarismo

A atividade física favorece o corpo, a mente e a potência sexual. De acordo com Celso Marzano, urologista, sexólogo e terapeuta sexual, “os exercícios promovem uma resposta física melhor a tudo que fazemos”.

Outro fato: a prática regular de atividade física tem influência direta na produção natural de testosterona no organismo. Ou seja, fazer atividade física pode sim melhorar o seu desempenho na cama.

potência sexual

Para homens acima dos 40 anos, a atividade física pode fazer mais diferença ainda. Uma pesquisa feita pela universidade de Dublin, na Irlanda, mostrou que o aumento de massa magra reduz em 50% o risco de queda nos níveis de testosterona. Em outras palavras, homens que se exercitam têm menos chances de sofrerem com os sintomas da andropausa.

Corte o cigarro

Homens que pararam de fumar conseguem ficar excitados até cinco vezes mais rápido do que homens que fumam. Essa é a conclusão que chegaram os pesquisadores da universidade do Texas, EUA. A pesquisa também mostra como os níveis de nicotina afetam a ereção.

Isso acontece porque o cigarro afeta a microcirculação arterial e venosa dos corpos cavernosos do pênis, o que prejudica o bombeamento de sangue para o órgão e compromete a ereção.

Invista em práticas orientais

As culturas orientais têm uma visão completamente diferente da nossa sobre o sexo. Enquanto para nós o sexo sempre foi visto como um tabu, para eles o sexo é algo divino. Isso significa que eles têm mais consciência sobre o ato sexual e seu real significado.

Portanto, buscar práticas orientais como o pompoarismo, sexo tântrico e acupuntura são formas totalmente válidas de melhorar a potência sexual aumentar o seu prazer.

O pompoarismo masculino, por exemplo, é repleto de técnicas e exercícios que ajudam a melhorar a circulação peniana e assim proporciona ereções mais firmes. Ele também ajuda o homem a ter mais consciência sobre seu próprio corpo, auxiliando no controle da ejaculação.

Já a massagem tântrica ajuda o homem a se conectar com seu próprio prazer e com o prazer da parceira, permitindo que ambos se conheçam. A prática da massagem tântrica é milenar e vem ajudando muitos casais a se redescobrirem sexualmente, melhorando o relacionamento.

A acupuntura faz parte da medicina chinesa e é levada muito a sério por lá. Para esse povo, a potência sexual está ligada ao aos rins, enquanto a libido tem relação com o funcionamento do fígado, explica o fisioterapeuta e acupunturista Márcio Luna, presidente regional da Associação Brasileira de Acupuntura.

Segundo ele, a saúde dos órgãos afeta o desempenho sexual e vice-versa.

Tome suco de romã

Um estudo publicado pela Queen Margaret University, em Edimburgo, mostrou que os homens que beberam um copo de suco de romã por dia durante uma semana tiveram um aumento entre 16% e 30% dos níveis de testosterona.

Como resultado, os 58 homens entre 21 e 64 anos participantes do estudo, tiveram um aumento significativo na libido e na potência sexual.

Não pule as preliminares

O especialista Celso explica: “As preliminares são importantes porque desencadeiam a resposta sexual, a química do sexo se inicia e a excitação vai aumentando. Qualquer toque, visão ou odor tem uma interpretação no cérebro, que processa as informações direcionando a resposta sexual pela liberação de neurotransmissores, que agem nos diferentes receptores periféricos”.

potência sexual

Isso significa que quanto maior o nível de excitação, melhor a potência sexual do homem na hora H. Portanto, as preliminares não são importantes somente para as mulheres.

Fique de olho na andropausa

A andropausa é uma deficiência hormonal que afeta os homens a partir dos 40 anos. Qualquer homem está sujeito a sofrer essa deficiência, que se caracteriza por uma queda natural na produção de testosterona.

Com a andropausa pode surgir fadiga, alterações de humor, insônia, perda de massa muscular, queda de cabelo, aumento da gordura abdominal, perda de libido e disfunção erétil.

Porém, como vimos, homens que praticam exercícios têm 50% menos chances de sofrer com os efeitos da andropausa.

Mas, caso você esteja já nessa faixa de idade e começou a notar algumas das consequências da baixa de testosterona no organismo, vale consultar um médico para avaliar a necessidade de reposição hormonal ou outro tipo de tratamento.

Não tome medicamentos sem necessidade

É muito comum o homem se preocupar ao perceber que sua potência sexual não é mais a mesma. Principalmente porque a frustração da parceira com o sexo passa a ser evidente.

Nessa hora, muitos homens acabam recorrendo a soluções rápidas, mas que nem sempre são a solução ideal. Medicamentos, comprimidos para reposição hormonal, dispositivos de vácuo, injeções, terapia sexual, próteses penianas…. tudo isso são métodos paliativos de tratar o problema.

Segundo Celso, o uso de medicamentos desse tipo sem prescrição e acompanhamento médico oferecem mais riscos à saúde do que benefícios.

Reduza alguns quilos

Estar acima do peso é verdadeiramente prejudicial para o bom desempenho sexual. Além da baixa auto estima e falta de confiança, o excesso de gordura atrapalha o funcionamento do organismo.

A gordura acumulada na barriga ajuda a produzir estrogênio, cortisol e leptina, substâncias que inibem a fabricação de testosterona.

Outra coisa, algumas posições podem se tornar mais difíceis e desconfortáveis. Portanto, mais um motivo para praticar atividade física.

Tenha potência sexual para toda a vida

Quando jovens, acreditamos estar na melhor fase de nossas vidas. E não deixa de ser verdade. A idade vem acompanhada de responsabilidades e limitações que nem passavam pela nossa cabeça.

Os homens que sabem como cuidar do corpo e da mente estão sempre com disposição para aproveitar os melhores momentos da vida, seja ele um barzinho com os amigos ou uma noite intensa de sexo com sua parceira.

Como falei lá no começo, a potência sexual é algo que deve ser cultivado e praticado, e a prática leva à perfeição. Seguis essas dicas vai ajudar para que você tenha disposição, energia e vontade de praticar e de buscar cada vez mais, com sua parceira, uma potência invejável.

Então não deixe de cuidar do seu corpo e da sua mente. Um abraço e até breve!

Já Deixou O Seu Comentário?

A Sua Opinião É Fundamental, Participe!

Leia tambem:

broxada

Deu uma broxada na hora H? Saiba o que fazer para não apagar o fogo dela!

benefícios da maca peruana

15 Benefícios da Maca Peruana na Saúde e Sexualidade Masculina

fertilidade masculina

O Que (Não) Fazer Para Aumentar a Fertilidade Masculina

AUMENTE SUA POTÊNCIA
EM APENAS 10 DIAS
COM ESTE EBOOK 100% GRATUITO!